07 Mar Logo De Bernt Entschev

A importância de se preocupar com os remanescentes em um processo demissional

autor post De Bernt Entschev
De Bernt

capas-pulse

Enfrentar uma crise de enxugamento na empresa sem ser demitido pode parecer uma oportunidade. E é. Mas, ver os colegas sendo desligados pode causar uma série de angústias e inseguranças, sentimentos que não podem ser ignorados por seus gestores, que devem se preocupar em manter o clima organizacional o melhor e mais estável possível.

Por isso, uma boa saída é a realização de workshops de diretrizes organizacionais para trazer conforto ao colaborador e, ao mesmo tempo, ajudá-lo a fazer uma reestruturação em sua carreira.

Em processos de mudanças organizacionais, há naturalmente uma diminuição da produtividade e engajamento, podendo impactar nos resultado e entregas. Com o processo de novas diretrizes organizacionais, é possível trabalhar emocionalmente a mudança, cria-se um sentimento de pertencimento, e além da notável melhora na produtividade é possível identificar aumentos em índices de resultados.

No projeto com os remanescentes, é possível mapear o perfil do grupo facilitando a gestão do time. Para alguns, o que motiva é segurança e estabilidade, enquanto que para outros, são desafios de curto prazo. Balizar estes parâmetros dos colaboradores facilita a aderência às novas tendências do negócio. A aplicação deste programa funciona como um benefício ao funcionário, que tem mapeadas as fraquezas, oportunidades, forças e ameaças. Mesmo em um cenário de demissões, em que algumas tarefas são acumuladas em um único funcionário, pode-se usar este momento para reavaliar as competências do profissional e alçá-lo para outras funções.

O cuidado com os remanescentes deve ser, aliás, preparado desde antes das demissões, com o preparo da comunicação e, sobretudo, a preocupação em transmitir a mensagem de que tudo está sob controle e o trabalho será remanejado de forma equilibrada para que ninguém fique sobrecarregado.

Entre os benefícios para a empresa estão a manutenção dos valores aplicados pela companhia, zelo e transparência em suas relações e cuidado ativo genuíno com todos os colaboradores envolvidos.

 

Patrícia Fadini é Diretora Regional responsável pelas operações da De Bernt na região sudeste.


Faça download: Arquivo


Posts Relacionados