26 Jul Logo De Bernt Entschev

Quais oportunidades sua empresa tem para a geração Y?

autor post De Bernt Entschev
De Bernt

capas-pulse

A geração Y tem modos de pensar e agir peculiares. Normalmente, são bastante enérgicos, criativos e priorizam o equilíbrio entre vida pessoal e profissional. Para este grupo, salário nem sempre é o que mais importa na hora de avaliar uma proposta de trabalho, e sim a chance de inovar e a liberdade para trabalhar ao seu modo. Sua empresa está preparada para receber estes profissionais?

Estas pessoas vivenciam o dia a dia de uma maneira muito diferente e particular e enxergam sua ocupação de modo dinâmico e não apenas como um meio de pagar as contas. Para eles, um ambiente de trabalho espontâneo e tranquilo pode se tornar mais atrativo do que uma verdadeira estabilidade salarial, fazendo-os pensar duas vezes antes de aceitarem uma promoção ou recolocação caso não ofereça um equilíbrio entre vida pessoal e profissional. Poder coordenar suas próprias atividades e ouvir música enquanto trabalham, são exemplos do que podem aumentar o nível de felicidade e, automaticamente, o rendimento destes profissionais.

Os millennials são pessoas extremamente criativas e quem lidera pessoas dessa geração deve deixá-las exercer esse dom pensando na inovação como um dos pilares que mantém um negócio. Por este motivo, o empreendedorismo é algo tão presente na realidade desta geração. As chamadas “startup” são provas de como tecnologia, criatividade e urgência de resultados podem ser uma boa combinação e gerar bons resultados.

Ao falarmos de senso de urgência, podemos realizar um paralelo ao tempo médio que alguém desta geração passa em seus empregos, que é bem mais curto, já que o importante não é mais construir uma carreira sólida, e sim, sua satisfação com o hoje, não se importando em deixar para amanhã os eventuais desafios que poderão enfrentar. Outra característica muito presente nestes profissionais é a vontade que eles sentem por obter novos conhecimentos – o que pode acabar se tornando uma dificuldade para aprender por meios tradicionais de ensino.

Também é importante ressaltar a conexão que os profissionais millennials têm com os consumidores da mesma geração, ou seja, clientes e colaboradores que são pessoas “superconectadas”, podendo ser a chave para um alinhamento de expectativas. Além do mais, os millennials sempre querem ir além destas expectativas, e tê-los como aliados para a ampliação de um negócio é saber que eles irão trabalhar muito para que tais objetivos se superem e, consequentemente, superem seus próprio desafios.

 

Luara Lorena de Jesus Silva atua com apoio aos processos de Talent Management e Soluções Corporativas da De Bernt.


Faça download: Arquivo


Posts Relacionados