01 Nov Logo De Bernt Entschev

Afinal, como medir o ROI de ações de RH?

autor post De Bernt Entschev
De Bernt

Dentro das organizações, é comum que alguns setores, como o de Recursos Humanos, ainda não são vistos como objetivos e estratégicos. Isso acontece porque eles não costumam oferecer à empresa uma medida clara do retorno de suas ações.

Como já dizia o estatístico Edward Deming: “não se gerencia o que não se mede, não se mede o que não se define, não se define o que não se entende, não há sucesso no que não se gerencia.” Por isso, no post de hoje vamos tratar de retorno sobre investimento em ações do RH. Para saber como medir o ROI e qual é a sua importância para o setor, continue com a leitura!

Definição de ROI

A sigla ROI significa Return On Investment, traduzido como Retorno Sobre Investimento. Essa é uma métrica comumente utilizada em áreas como Vendas e Marketing.

Como o nome sugere, o ROI calcula a porcentagem de retorno sobre um investimento específico e permite mensurar quanto a empresa ganha ou perde investindo em determinados projetos. É a relação entre o recurso empregado e o que, de fato, resultou: lucro ou prejuízo.

Análises como o ROI, com base em indicadores que mensuram resultados, vêm sendo amplamente utilizadas para se obter uma gestão eficiente com foco em crescimento, uma vez que os dados fornecidos ajudam a identificar gargalos, tendências e ameaças.

Aplicação na área de RH

Assim como os demais setores de uma empresa, o RH deve propor métricas para os resultados de suas ações, de modo a priorizar projetos e competir por investimentos.

Utilizar o ROI na área de RH passou a ser algo possível e utilizado por diversas empresas — é uma prática que veio para consolidar este como um setor estratégico dentro das organizações.

No setor de Recursos Humanos, a métrica de retorno de investimentos é muito utilizada para embasar e planejar ações de Gestão de Pessoas e para melhorar as práticas com o foco em resultados. Uma gestão eficiente de RH deve permitir o acompanhamento de taxas de retenção de talentos, absenteísmo, turnover, treinamento, entre outras.

Calcule o ROI

Para medir o ROI, é preciso, primeiramente, criar medidas aceitas por todos os departamentos da organização e considerar no cálculo todos os benefícios indiretos e intangíveis. No RH, ele deve ser calculado seguindo estes passos:

  1. mensure um benefício recebido;
  2. subtraia o total aplicado;
  3. divida o resultado pelo valor investido;
  4. multiplique por 100.

Considere o exemplo:

A empresa investiu R$ 5.000,00 em um treinamento para líderes. Passado um mês, foi verificado que esse treinamento proporcionou um retorno de R$ 15.000,00 e apresentou outro retorno com a diminuição de custos mensais no valor de R$ 8.000,00. No total, houve um aumento de R$ 23.000,00 na receita. De acordo com a fórmula, temos:

ROI = (beneficio recebido – total aplicado) ÷ valor investido

ROI = (23.000 – 5.000) ÷ 5.000

ROI = (18.000) ÷ 5.000

ROI = 3,6

Calculando a taxa percentual:

3,6 × 100 = 360%

Para avaliar o quanto esse número é relevante para a organização, é preciso, a partir de uma análise de mercado, definir uma métrica de desempenho com um valor que a empresa considera aceitável.

Uma das maiores dificuldades na hora de mensurar é como calcular benefícios intangíveis. Para isso, nossa dica é transformá-los em resultados tangíveis que possam ser analisados de forma clara.

Nesses casos, primeiro é necessário definir exatamente qual é o objetivo do negócio, qual é o indicador organizacional que se espera melhorar e se o treinamento, por exemplo, será uma ferramenta de suporte ou um meio essencial para atingir o objetivo. Com essas análises, fica mais claro como iniciar o cálculo do ROI.

Avalie o retorno em treinamento e desenvolvimento

O retorno sobre treinamentos e desenvolvimentos é um dos principais indicadores do RH, pois faz a comparação dos valores investidos no aprimoramento dos colaboradores, com as melhorias obtidas na rotina da empresa.

Para calcular o ROI, é preciso ter clareza do valor investido nos processos e mensurar as variações geradas nos resultados da empresa após sua realização.

Um ROI positivo indica que o treinamento foi efetivo. Ao medir e mostrar o retorno sobre a preparação de colaboradores, fica claro para a diretoria a importância de capacitar a equipe e o impacto de tais ações na corporação.

Assim, ter esse indicador melhora a reputação de uma área e dos seus profissionais, além de ser uma poderosa estratégia para negociação interna de investimentos.

Avalie o retorno em processos seletivos

Para garantir o sucesso de uma nova contratação, é preciso realizar um processo seletivo com foco nos objetivos, na cultura e nos valores da empresa. O profissional mais qualificado do mercado pode não se identificar com a organização e não ser uma boa contratação, levando a uma perda de tempo e de custos, além da elevação no índice de turnover.

Uma dica para fazer boas contratações e formar uma equipe de alta performance é utilizar a descrição do cargo, detalhando ao candidato quais são as responsabilidades e as expectativas.

No cálculo de Retorno Sobre Investimento em seleções, é importante fazer um levantamento de todos os custos relacionados ao processo de admissão: a divulgação com o anúncio da vaga, os gastos com ligações e as horas de trabalho do profissional de RH envolvido na tarefa.

Depois, calcule o índice de efetividade das contratações, se os novos colaboradores permanecem na empresa ou se estão elevando o turnover. Um índice de adaptação alto, indica que o ROI em seu processo de admissão é positivo.

Além desses dois cálculos apresentados, o RH conta com muitos outros indicadores que podem ser mensurados e analisados para se consolidar como uma área estratégica e mostrar que a empresa faz bons investimentos ao confiar no setor.

Vale considerar que cada RH deve compreender os indicadores que são mais importantes para a realidade da sua empresa na hora de medir o ROI. Aproveite nossas dicas para melhorar ou iniciar a utilizar o cálculo de retorno de investimentos no seu negócio.

E aí, gostou das informações sobre ROI? Quer deixar o seu RH ainda mais estratégico? Então, leia este texto e descubra quais são as 5 métricas fundamentais para esse setor!


Faça download: Arquivo


Posts Relacionados